Compartilhe

quinta-feira, 31 de julho de 2014

A pequena Rosália Lombardo


10.jun.2014 - Uma história de dar arrepios! A pequena Rosália Lombardo tinha 2 anos quando morreu de pneumonia, em Palermo, na Itália, em 1920, há 94 anos. Seu pai ficou desolado e pediu que um médico embalsamasse o corpo da menina. Há pouco tempo, o corpo de Rosália foi encontrado totalmente intacto nas Catacumbas Capuchinhas de Palermo. Após a descoberta, uma câmera foi programada para registrar imagens de hora em hora do cadáver. O que surpreendeu a todos, no entanto, foi que os olhos de Rosália se abriam e fechavam todos os dias. Algumas pessoas cogitaram que a garota seria uma santa, no entanto, há uma explicação científica para o fato. Os flashes das câmeras causam uma fotodecomposição do corpo, e isso, juntamente com a oscilação de umidade, faz com que os olhos se abram e se fechem de tempos em tempos. As informações são do site Megacurioso
Os cabelos, sobrancelhas, cílios e todos os pelos do corpo da pequena Rosália, mumificada aos dois anos de idade, ficaram loiros devido às alterações de umidade. Nas fotos mais antigas, a menina aparece com o cabelo bem escuro. O corpo da criança pode ser visitado em Palermo, na Itália. Ele fica exposto em um caixão com tampa de vidro em uma capela no trajeto turístico da catacumba descoberta Reprodução/Megacurioso
Leia mais em: http://zip.net/bxpbdX


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares